Os benefícios do jejum intermitente para a saúde

O Jejum Intermitente se tornou um assunto obrigatório entre pessoas que estão adotando um novo estilo de vida alimentar. Mas, você sabe o que vem a ser o JI? Quais os benefícios do Jejum Intermitente para a saúde? Iremos tentar esclarecer estas dúvidas nas próximas linhas.

O que é o Jejum Intermitente?

Jejum nada mais é o que você já deve saber. Trata-se apenas de ficar sem comer. Já quando vemos a palavra intermitente, quer dizer que isso ocorre durante alguns períodos de tempo e não de maneira contínua. Resumindo: você alterna períodos sem se alimentar com períodos onde você se alimenta normalmente.

Esta é uma prática que vem ganhando cada vez mais força entre pessoas que não querem só emagrecer, mas também querem melhorar a qualidade de vida. Uma série de estudos já comprovou boa parte dos benefícios do jejum intermitente para a saúde e como ele pode também facilitar a nossa vida.

Por que facilitar nossa vida?

Já pensou se hoje você não precisasse se preocupar ao menos com uma refeição do seu dia? O quanto isto poderia gerar de economia financeira e de tempo?

Falo isso pois uma das maneiras mais comuns de adotar o Jejum Intermitente é justamente pulando o café da manhã.

Os adeptos do JI geralmente praticam o jejum em período de 16×8 ou seja, ficam sem se alimentar por 16 horas e fazem suas refeições nas 8 horas restantes. Uma das maneiras mais fáceis de adotar o Jejum Intermitente na sua vida é justamente pulando o café da manhã.

Algumas pessoas até chamam este tipo de JI de Dieta 16×8.

Os benefícios do Jejum Intermitente

Mas é claro que para quem quer praticar o JI não precisa pular necessariamente o café da manhã. Fica ao critério de cara um a escolha das refeições.

Quais seriam os principais benefícios do Jejum Intermitente?

Aqui não iremos nos aprofundar muito em explicar sobre o Jejum Intermitente em si, mas sim apontar os grandes benefícios que ele pode trazer para a sua saúde. Antes desta prática, é sempre aconselhável procurar orientação médica e realizar exames. Afinal, não é qualquer pessoa que pode ficar longos períodos sem comer. Vamos aos benefícios:

Colabora para o emagrecimento

Ao fazer menos refeições durante o dia, teoricamente você também fará uma ingestão menor de calorias totais. Isso faz com que o corpo busque alternativas para obter energia, o que pode fazer com que ele use a gordura armazenada no seu corpo para transformar em energia. Este processo leva diretamente a perda de peso.

Ficar sem comer por um período maior de horas não vai deixar o seu metabolismo mais lento, como dizem por aí, mas justamente ao contrário. Este processo fará com que seu organismo trabalhe mais para trabalhar essa gordura e com isso seu metabolismo fique mais acelerado.

Sabe aquele papo de que é necessário se alimentar de três em três horas para emagrecer? Pura balela! Já existem vários estudos comprovando este é mais um mito criado pela indústria alimentícia.

O Jejum Intermitente faz bem para a saúde?

Ajuda a prevenir doenças cardíacas

O Jejum Intermitente pode ajudar a amenizar diversos problemas de saúde tais como a pressão arterial, a taxa de glicose no sangue, os triglicerídeos, o colesterol, os agentes inflamatório e doenças cardíacas.

Aumento da produção do HGH, o hormônio do crescimento

O HGH é um hormônio essencial para pessoas que estão em busca de aumentar a massa muscular. Em muitos casos, chegam até a ingerir suplementos para auxiliar na produção deste hormônio.

Além de ajudar na construção da massa magra, ele também é um grande aliado da queima de gordura. Ao realizar períodos de jejum, há um aumento natural da produção de HGH.

Pode ajudar a prevenir o câncer

Existem muitos estudos científicos em andamento que visam comprovar que o jejum pode ter efeito positivo na prevenção do câncer.

Pode aumentar a expectativa de vida

Por ajudar a combater a atividade inflamatória do organismo, o jejum intermitente colabora para uma melhor oxigenação das células e combate o envelhecimento precoce destas. E como mencionamos anteriormente, retardando efeitos de doenças como hipertensão e doenças cardiovasculares, a expectativa de vida tente a ser maior.

Te traz praticidade e permite ganhar tempo e dinheiro

Ao fazer menos refeições, teoricamente você precisa se preocupar menos com isso e ganha-se em praticidade. É possível gastar menos tempo com o preparo e também menos dinheiro.

Eu, por exemplo, não tomo café da manhã. Então fica mais fácil acordar pela manhã e preparar para o dia de trabalho. Posso gastar este tempo lendo um livro, fazendo um exercício ou para quem preferir, pode-se até dormir mais.

Outros benefícios do Jejum Intermitente para a saúde:

Dieta 16x8
  • Melhora a oxigenação do cérebro;
  • Reduz o estresse oxidativo;
  • Reduz o risco do aparecimento de diabetes tipo 2;
  • Promove o reparo celular;
  • Melhora a saúde do coração.

Quem pode e quem não pode fazer o Jejum Intermitente?

Fazer jejum não é para todos. Pessoas saudáveis podem não ter nenhum problema ao ficar grandes períodos sem se alimentar. Mas, como sempre mencionamos aqui no site, é importante buscar orientação médica sempre que quiser realizar mudanças nos seus hábitos de vida.

Já para quem se encontra em algumas das situações abaixo, não deve praticar o Jejum Intermitente:

  • Mulheres grávidas e em processo de amamentação;
  • Crianças;
  • Pessoas que sofrem com transtornos alimentares como a bulimia e a anorexia;
  • Diabéticos;
  • Hipertensos
  • Apresenta doenças no fígado ou nos rins;
  • Pessoas que se recuperam de cirurgias ou de qualquer outra doença grave;
  • Pessoas com sistema imunológico enfraquecido.

Agora que já conhece os principais benefícios do jejum intermitente para a saúde, pretende colocá-lo em prática? Já o fez alguma vez e gostou? Qual foi sua experiência?

Veja também: Receitas low carb para todas as refeições.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.